E Foram Todos Para Paris

Este não é um guia de viagem como os outros. 'E foram todos para Paris' levará você para viver um pouco da Paris dos loucos anos 1920, retratada no filme 'Meia-Noite em Paris', de Woody Allen.
X Leia um Pequeno Trecho: E Foram Todos Para Paris

Por que vale a pena?

- Você descobrir a Paris lendária de Hemingway e cia.
- Vai conhecer a história e os locais frequentados pela geração perdida

*Campos Obrigatórios

por grupo (de até pessoas)

2 - Escolha a quantidade:

  • Descrição
  • Informações Práticas
  • Na Mídia
  • Autor
  • Veja a avaliação de outros leitores

Detalhes

O jornalista e crítico cultural Sérgio Augusto foi atrás das pegadas da geração perdida que fez a festa nunca acabar. A partir de itinerários traçados em mapas, você vai descobrir onde moravam, trabalhavam e se divertiam artistas como Hemingway, Gertrude Stein, Zelda e Scott Fitzgerald, Picasso, Kiki de Montparnasse.

Você vai visitar os locais históricos (boa parte dos estabelecimentos resistem firme e forte) em Montparnasse e Saint-Germain, epicentro criativo dessa turma, e também do outro lado do rio, na Rive Droite. Ao passar pelos cafés, livrarias, parques, museus, restaurantes e prédios onde moraram os artistas, você vai entrar poder viver um pouco dessa apaixonante história.

Informação Adicional

E Foram Todos Para Paris - Impresso
Número de páginas 90
Dimensões da versão em papel (cm) 12 x 19 cm
Formatos Papel
Edição 1˚ edição
Editora Casa da Palavra
ISBN 9788577342259
Vídeo do Produto
Locais de entrega Em todo o Brasil. Para entregas no exterior, entre em contato para avaliarmos o valor do frete: [email protected]
Prazo de entrega O envio é feito pelos correios: capitais e grandes cidades até 5 dias úteis e cidades do interior até 12 dias úteis para Carta Registrada; até 3 dias úteis para Sedex.

Veja:

Uma viagem na primeira classe. Leia a matéria.

 

Globo:

Como conhecer Paris en três viagens saborosas. Leia a matéria.

 

Viaje na Viagem:

Flanando a procura de Hemingway, Scott, Zelda, Gertrude e Alice. Leia a matéria.

Sérgio Augusto

 

é jornalista. Começou sua carreira como crítico de cinema do periódico Tribuna da Imprensa, em 1960. Trabalhou também nos jornais Correio da Manhã e Jornal do Brasil, nas revistas O Cruzeiro, Fatos & Fotos, Veja e IstoÉ e nos semanários O Pasquim, Opinião e Bundas.

 

Foi repórter especial da Folha de São Paulo de 1981 a 1996, quando publicou a reportagem original que anos mais tarde daria origem ao guia "E Foram todos para Paris". Entitulada “A geração perdida ainda está em Paris”, a matéria tornou-se um guia de viagem sui generis para aqueles que vão à capital francesa para muito mais do que comer, beber, fazer compras e subir na torre Eiffel.

TESTE
Comentado por Mariana Berutto
Qualidade
TESTE

Você tem alguma dúvida específica sobre esse produto?

Dúvidas em relação a este produto? Problemas na entrega? Deixe aqui sua mensagem. Sua mensagem será respondido em no máximo 24 horas, de segunda a sexta. Perguntas enviadas nos finais de semana serão respondidas na segunda

Não há nenhuma resposta ainda. Seja o primeiro a fazer uma pergunta!